Melhores Práticas » Como fazer e para que servem os relatórios de sustentabilidade

Como fazer e para que servem os relatórios de sustentabilidade



Veja também

Os primeiros passos para implementar a sustentabilidade

Porque ter uma política de sustentabilidade para seu empreendimento

Como escrever uma política de sustentabilidade

Os passos para se construir uma política de sustentabilidade

 

 

Hoje em dia, ouve-se muito falar sobre relatório de sustentabilidade e GRI, mas você sabe o que isso significa? Como ele é feito?

 

Muitas empresas passaram a publicar o relatório de sustentabilidade com base nas diretrizes do GRI (Global Reporting Iniciative), mas isso não significa que elas são ou não sustentáveis.

relatorios-de-sustentabilidade-1Os relatórios de sustentabilidade, com base no GRI ou não, têm (ou deveriam ter) a intenção de mostrar os progressos dos empreendimentos em relação a sustentabilidade. Esses progressos podem ser positivos ou negativos. Os relatórios de sustentabilidade são uma ferramenta para a empresa identificar o que esta fazendo bem e o que esta fazendo mal em relação ao desenvolvimento sustentável, além disso esses relatórios servem para mostrar ao público interessado (stakeholders) as ações socioambientais do empreendimento.

 

Para exemplificar podemos comparar os relatórios de sustentabilidade às provas semestrais ou anuais que temos nos colégios e faculdades, nas quais, através de um documento o aluno mostra para ele mesmo e para seus professores e pais como foi seu desenvolvimento durante o ano, o que ele aprendeu de novo ou melhorou, ou no que ele piorou e precisa desenvolver melhor. A partir daí o estudante traça seus objetivos e metas para o próximo período.

 

Então não significa que um empreendimento é sustentável só porque ele publica um relatório de sustentabilidade, mas sim que ele esta atento ao que pode e deve melhorar. O importante para nós consumidores é analisar a evolução das ações nos diferentes relatórios.

 

Por exemplo, se um hotel informou que em 2008 consumia 100 litros de água por hospedagem, espera-se que a cada ano subseqüente esse número melhore e o consumo de água por hospedagem seja cada vez menor.  Cabe também ao empreendimento mostrar como conseguiu essa redução, descrevendo quais ações tomou, como, por exemplo, a conscientização de hóspedes e colaboradores, instalação de equipamentos economizadores e etc.

 

logotipo-gri-relatorios-de-sustentabilidadeMas o que significa GRI?

 

O Global Reporting Iniciative é um conjunto de diretrizes que visa padronizar os relatórios de sustentabilidade, criando exigências para tentar deixar os relatórios o mais parecidos possível, fornecendo um mínimo de informações, facilitando, assim, a leitura e entendimento por parte dos stakeholders. Graças a essa padronização a comparação entre os diferentes empreendimentos fica mais fácil!

 

 

As informações são verdadeiras?

 

Esse é um ponto de atenção, pois nem os relatórios com a padronização GRI, bem como os outros tipos de relatório de sustentabilidade, têm suas informações checadas. O GRI, por exemplo, apenas confere se a construção do relatório seguiu suas diretrizes. Por exemplo, ele atesta que todos os temas exigidos, como consumo de água e eletricidade, ações sociais com a comunidade e colabores, dentre outros foram abordados no relatório.

 

É responsabilidade da empresa dizer o que está fazendo para atender àqueles quesitos e cabe a sociedade como um todo verificar se aquelas informações são ou não verídicas. Algumas empresas optam por contratar empresas terceirizadas para atestar que os números e informações são verdadeiras, porém como o custo para tal ainda é alto, a opção por este tipo de verificação externa é baixa.

 

Os relatórios de sustentabilidade e o setor de turismo

 

relatorios-de-sustentabilidade-3Ainda não são muitos empreendimentos do setor que divulgam relatório de sustentabilidade, mas o número vem crescendo cada vez mais. Pelo site do GRI, das 4.000 empresas que já haviam publicado relatórios de sustentabilidade até 2012 apenas 60 eram do setor de turismo, das quais podemos destacar as operadoras Thomas Cook e TUI AG e as redes de hotéis Sol Meliá, Intercontinental Hotels Group e Accor Group.

 

Não encontramos nenhuma empresa brasileira do setor de turismo com relatório de sustentabilidade nos moldes do GRI. Mas podemos destacar o Hotel Quinta do Bucanero, localizado na Praia do Rosa em Santa Catarina, que já publicou seu segundo relatório de sustentabilidade. Apesar de o relatório ser relativamente simples, se comparado aos padrões GRI, na opinião da equipe EcoHospedagem é um relatório muito fácil de entender e que vai direto aos pontos importantes, mostrando claramente quais foram as ações desenvolvidas pelo pousada no período.

 

O único ponto que acreditamos que o empreendimento pode abordar em um próximo relatório é sobre as perspectivas e metas para o próximo período, pois é a partir dela que a empresa pode medir o êxito ou não de suas ações.

 

Escolhemos quatro tipos distintos de relatórios de sustentabilidade, dois seguindo as diretrizes GRI e dois “livres”, que em nossa opinião são relatórios bem claros e simples, como os relatórios devem ser. Abaixo você pode fazer o download dos relatórios.

 

Hotel Quinta do Bucanero – Hotel brasileiro com relatório não baseado no GRI

Grupo Accor – Rede de hotéis Accor com relatório/press kit não baseado no GRI

Grupo Pestana – Grupo de hotéis português com relatório GRI em português

Hotel Rezidor – Hotel Belga com relatório GRI em Inglês

 

 

Como escrever um relatório de sustentabilidade para minha empresa?

 

relatorios-de-sustentabilidade-2Bem resumidamente o ideal é que um relatório de sustentabilidade seja semestral, anual ou até bienal e deve contar um breve histórico sobre a empresa, falar de sua estrutura atual e das ações de sustentabilidade realizadas no passado, presente e metas e objetivos para o futuro. O relatório deve ser de fácil leitura, sem utilizar muitos termos técnicos. Alguns gráficos e fotos também facilitam o entendimento.

 

E lembre-se, o relatório deve ser dirigido para todos os públicos interessados (stakeholders) e por isso deve-se abordar todos os pontos que possam interessar a estes públicos. E o mais importante, use o relatório como uma ferramenta para saber onde seu empreendimento está acertando ou onde pode melhorar. Seja sincero ao falar das conquistas e realizações de sua empresa, esta é a melhor forma de ganhar a confiança de seus hóspedes, colaboradores e parceiros e fazer o desenvolvimento de um relatório de sustentabilidade valer a pena.

 

 

Papel dos consumidores

 

Para nós consumidores, colaboradores e outros interessados, cabe ficar de olho se as ações descritas nos relatórios estão mesmo sendo realizadas pelos empreendimentos. Se uma empresa indica que teve maus resultados em determinada ação socioambiental, isto não é tão ruim, desde que o empreendimento mostre quais ações pretende tomar para corrigi-las. A partir do momento que o problema foi identificado fica mais fácil corrigi-lo!

 

relatorios-de-sustentabilidade-4Ao darmos preferência a empreendimentos que desenvolvem relatórios de sustentabilidade estamos privilegiando empresas que já estão um passo a frente dos outros em relação ao tema. É uma forma de incentivá-los a continuar com suas ações e a incentivar seus concorrentes a adotarem práticas semelhantes.

 

Em nossa página como avaliar se um hotel é sustentável, você, amigo turista, tem um check list com algumas ações socioambientais que podem ser desenvolvidas por empreendimentos do setor hoteleiro, e em nossa página hotéis e pousadas realmente sustentáveis você vê quais hotéis brasileiros já desenvolvem ações de sustentabilidade.

 

Veja mais sobre o Hotel Quinta do Bucanero, que já está em seu segundo relatório de sustentabilidade.

 

Veja outras ações de sustentabilidade que podem ser desenvolvidas em hotéis, pousadas e resorts.

 

Veja também: Os primeiros passos para implementar a sustentabilidade

Porque ter uma política de sustentabilidade para seu empreendimento

Como escrever uma política de sustentabilidade

Os passos para se construir uma política de sustentabilidade

 

 

Veja outras ações para implementar em seu empreendimento

 

Uso de lâmpadas econômicas

Instale dispenser de sabonete e shampoo em seu empreendimento

Sistema de chave cartão/eletrônica

Programa de reuso de toalhas

Aplicar conceitos de arquitetura sustentável

Isolamento térmico de telhados com Tetrapack

Instalação de telhados verdes

Redutor de vazão para torneiras

Testes simples para verificar se há vazamento de água

Como fazer o tratamento de resíduos em seu empreendimento

Como realizar o tratamento natural de esgoto

O que fazer com os restos de sabonete usados

Como fazer produtos de limpeza naturais?

Como instalar um sistema de captação de água de chuva

 

Thiago Cagna – Consultor EcoHospedagem

 

Contribuíram com esta publicação

Revisão e edição de texto – Nathalia Pereira, Jornalista – www.nathaliapereira.com

 

Deixe seu comentário também!

Comentários



2 Respostas para Como fazer e para que servem os relatórios de sustentabilidade

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.